Buscar
  • Pr. Marcos Brandao

Guardar o que?


Lendo esse texto, minha memória voltou em de 18 de janeiro de 2015, quando o Brasileiro Marco Archer foi fuzilado após ser sentenciado à pena de morte, por infringir as leis daquele País.

Existe um grande debate sobre a pena de morte, que divide opiniões de quem é contra e quem é a favor. Esse não é o meu objetivo com esse texto, mas tenho minha posição.

Não defendo a pena de morte por dois motivos;

Primeiro é que, somente quem pode tirar a vida é Aquele que pode dar a vida..., Deus.

O segundo motivo, tem a ver com nossa capacidade de justiça. A Bíblia nos lembra em Isaías 64;6 , que "a nossa justiça é como trapo de imundícia". Penso que já é suficiente.

Mas qual o ensinamento que quero tirar deste acontecimento?  O ensinamento que temos, é que o Marco tinha conhecimento das leis da Indonésia, rígida e imparcial. Ele decidiu correr o risco e infelizmente pagou com sua vida.

Falamos da Justiça e do Amor de Deus, mas ficamos somente com a parte que nos é conveniente “o amor”.

O Amor de Deus nos alcança de uma forma tremenda, e produz em nós o seu favor. Sentimentos e ações inexplicáveis. Mas a justiça de Deus da mesma forma nos alcança, para cumprir todos os princípios estabelecidos em sua palavra. 

Assim como o Amor de Deus não faz distinção de pessoas, a Sua Justiça também não.

Conheço muitas pessoas que conhecem a Palavra de Deus e os seus princípios, mas vivem a sua vida de qualquer maneira. Buscam apenas os benefícios do amor de Deus, mas se esquecem que também estão sujeitos a Sua justiça.

Romanos 2:5-6

Contudo, por causa da sua teimosia e do seu coração obstinado, você está acumulando ira contra si mesmo, para o dia da ira de Deus, quando se revelará o seu justo julgamento.

Deus “retribuirá a cada um conforme o seu procedimento”.

Romanos 10:3

Desconhecendo a justiça de Deus e procurando estabelecer a sua própria justiça, não se sujeitaram à justiça que vem de Deus.

Fiquei tentando imaginar como o Marco se sentia, sabendo que seu dia para morrer já estava estabelecido. Talvez por dias não houve plena consciência do que estava vivendo, tendo a esperança que teria e sua pena anulada. Mas isso não aconteceu, e não aconteceu porque o governo estava cumprindo sua legislação, e ele foi executado.

Sinto muito pela dor que seus familiares e amigos sentiram e ainda sofrem por isso.

Que o Espírito Santo os ajude nesse processo.

Assim será no juízo final, os princípios de Deus e Sua Justiça serão aplicados e nada poderá mudar isso, por mais duro que pareça. 

Por isso Ele adverte “Venho sem demora. Conserva o que tens, para que ninguém tome a tua coroa” Apocalipse 3:11

Conserva o que? Guardar o que?

Conservar o que temos aprendido de Deus através da Sua infalível Palavra.

Conservar significa, manter e reproduzir cuidadosamente e fielmente os Seus princípios.

Tendo a consciência que se apenas tenho o conhecimento e não os vivo, estarei condenado a Justiça perfeita e eterna de Deus.

Marco sabia das leis rígidas da Indonésia e assim mesmo decidiu arriscar. Infelizmente pagou com sua vida.

Quero que você que está lendo esse texto, pense e reflita... Vale realmente a pena arriscar sua vida eterna por qualquer coisa nessa vida? As leis de Deus também são rígidas e imutáveis.

Se você esta vivendo de qualquer maneira ou longe de Deus, ainda está em tempo de se reconciliar com o teu Criador. Ele te ama, e quer te ajudar a sair de onde você está.

Não importa em que situação você se encontra, o que importa é que você volte enquanto a tempo.

Que Deus te abençoe.

Pr. Marcos Brandão


0 visualização
Peniel Church

 

ABBEY BAPTIST CHURCH

Abbey Square - Reading

RG1 3BE - Berkshire

DOMINGOS  -  18h

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Twitter Icon

Fale conosco